3 coisas que encravam as unhas. Como resolver. Com vídeo.

0

Como diz o saber popular, uma pessoa chata é como uma unha encravada.

Quem tem sofre muito. No cantinho do pé, é uma chatice. Quem sofre, na maioria das vezes, não sabe por que acontece.

A maioria das causas é provocadas por não saber evitar. Com prevenção, a coisa muda de figura.

O que faz a unha encravar?

1) Corte errado: se o corte não for correto, pode deixar uma pontinha que irá trazer problemas. Se cortar nos cantos, a unha cresce errado e irá encravar. O certo é cortar reto, evitando o formato arredondado. Nunca corte os cantos que aí reside o maior problema. Se você tem o dedo e as unhas redondas, o ideal é consultar um podólogo que lhe ensine a maneira certa de cortar.

Para evitar que as unhas encravem, corte reto e nunca tire dos cantos.

Para evitar que as unhas encravem, corte reto e nunca tire dos cantos.

2) Calçado apertado: o uso de um sapato que não corresponda ao formato dos pés também irá trazer problemas. Por isso, deixa a vaidade de lado, não use sapatos que sejam incômodos. Beleza que traz sofrimento só traz problemas.

3) Prática de alguns esportes: em esportes de contato, o pé sore impactos que podem ocasionar a maldita unha encravada. Também pode deformar a unha, causando traumatismo. Escolha um tênis confortável e adequado para a prática. Sim, eles são caros, mas evitam dissabores. Corrida, salto e futebol são os mais frequentes.

VEJA TAMBÉM:  Desencravar unhas: Por que manicures não podem e nem devem?


Unha encravada pode ser genético?

Em alguns casos, sim. Dependendo do formato, ela terá a tendência a encravar. Quando o problema é genético, é preciso o acompanhamento podológico por um especialista e adequar o calçado. É possível viver com isso. O ideal é um profissional cortar a unha.

Tratamentos

Aqui, é preciso realmente um podólogo, que é como se chama o profissional especializado. Ele vai cortar a unha de forma adequada e fazer os curativos necessários. O acompanhamento é necessário para o problema não regressar.

Órtese*: se a unha encravada veio para ficar,pode-se usar uma órtese de fira ou de corrente. Ela é colocada sobre a unha e utiliza o mesmo princípio do aparelho para os dentes. Ela força a unha de modo que ela volte ao seu estado normal. Geralmente, esse tratamento dura três meses.

VEJA TAMBÉM: 5 transformações de pessoas com vitiligo que comprovam o poder da maquiagem

Cantoplastia: é a retirada do canto da unha. Tem gente que faz em casa, mas, dependendo do caso, se for congênito, pode agravar o problema. O médico usa anestesia para cortar o canto da unha e depois cauteriza para não crescer mais.

* órtese
  1. substantivo feminino
    med qualquer aparelho externo us. para imobilizar ou auxiliar os movimentos dos membros ou da coluna vertebral.

Diário de um podólogo: unha encravada

 

Comments are closed.

This function has been disabled for Portal Beleza.