Dieta Atlântica: a dieta d’Além Mar

0

Imagine um jantar romântico à luz de velas: peixe, legumes e azeite, tudo isso acompanhado de um bom vinho português. Pois é, você nem imagina, mas esse cardápio é uma dieta baseada na alimentação natural dos povos de Portugal, mais especialmente do norte do país. Resultante dele, temos a dieta atlântica.

Tudo sobre a dieta atlântica

A Dieta Atlântica permite ainda carnes vermelhas, em quantidade moderada, massas e laticínios. Mas atenção que esses alimentos são bastante calóricos e o grande segredo está na moderação na hora de sentar à mesa. Em excesso, também farão você engordar.

O seu segredo está em diminuir drasticamente o consumo de açúcar, frituras e alimentos processados. O azeite é também muito importante nessa dieta, que comprovadamente evita problemas do coração. No norte de Portugal, onde essa alimentação é natural, o risco de enfartes é 33 por cento menor, segundo estudo da Universidade do Porto.

A atividade física faz parte de qualquer dieta e não poderia faltar nessa também.

Oh, Maria, estás servida?

Oh, Maria, estás servida?

O que comer? 

Muito peixe e frutos do mar

Peixes de mar e de rio, moluscos e crustáceos, são as grandes reservas atuais do Atlântico. Coma peixes e frutos do mar 3 a 4 vezes por semana e sua vida ficará melhor.

Peixes de mar e de rio, moluscos e crustáceos, são as grandes reservas atuais do Atlântico. Coma peixes e frutos do mar 3 a 4 vezes por semana e sua vida ficará melhor.

Comer muitos vegetais

Cereais, batatas e legumes. Com esses alimentos, você obtém um perfil calórico em que 50 por cento da energia total deve ser consumida na forma de carboidratos complexos

Cereais, batatas e legumes. Com esses alimentos, você obtém um perfil calórico em que 50 por cento da energia total deve ser consumida na forma de carboidratos complexos

Alto consumo de frutas e verduras

Coma muitas frutas, especialmente maçãs e os cítricos. Couves e repolhos, acompanhados de feijões, pimentões, cebolas e alhos

Coma muitas frutas, especialmente maçãs e os cítricos. Couves e repolhos, acompanhados de feijões, pimentões, cebolas e alhos

Use azeite para tudo, até como gordura de cozimento principal, pá!

A dieta Atlântica nasceu em Portugal, onde é alto o consumo de azeite de suas oliveiras milenares. Usado como tempero para saladas e também para regrar pratos prontos.

A dieta Atlântica nasceu em Portugal, onde é alto o consumo de azeite de suas oliveiras milenares. Usado como tempero para saladas e também para regrar pratos prontos.

Consuma produtos lácteos

Excelente fonte de proteínas, minerais (cálcio e fósforo) e vitaminas. O consumo de produtos lácteos fermentados, como o iogurte e o kefir, traz uma série de benefícios que ajudam a regular o funcionamento da flora intestinal.

Excelente fonte de proteínas, minerais (cálcio e fósforo) e vitaminas. O consumo de produtos lácteos fermentados, como o iogurte e o kefir, traz uma série de benefícios que ajudam a regular o funcionamento da flora intestinal.

VEJA TAMBÉM: Dieta Mediterrânea: como funciona

Beba muitos líquidos

Beba muita água ou suco natural de frutas. O vinho tem efeito positivo se for tomado moderadamente e somente nas horas de refeição.

Beba muita água ou suco natural de frutas. O vinho tem efeito positivo se for tomado moderadamente e somente nas horas de refeição.

Use a simplicidade na hora de preparar os alimentos para que não sejam perdidos seus nutrientes e propriedades benéficas. Prepare cozidos e muitos grelhados, sempre à base de azeite.

Saiba mais sobre a Dieta Atlântica em vídeo:

Comments are closed.

This function has been disabled for Portal Beleza.